sexta-feira, 3 dezembro, 2021
Início Notícias Destaques Fiscalização identifica autor do descarte de cestas básicas. Polícia vai investigar o...

Fiscalização identifica autor do descarte de cestas básicas. Polícia vai investigar o caso

CANARANA – Uma postagem nas redes sociais na terça-feira (23), mobilizou muitos moradores e autoridades de Canarana. A postagem, que também continha uma foto, dizia que a Prefeitura tinha jogado cestas básicas no lixo, que elas estavam vencidas, enquanto muitas pessoas passam por necessidades. Na sequência, vários comentários teciam críticas à Prefeitura e também aos vereadores.

Cestas básicas descartadas em uma caçamba em Canarana; Imagem – Reprodução.

De fato várias cestas básicas, em torno de meia caçamba, foram descartadas em uma caçamba no final da rua Lagoa Vermelha, no bairro Nova Canarana. Também é fato que existem muitas pessoas que passam por necessidades. Porém, a denúncia de que o descarte teria partido da Prefeitura ou mesmo que as cestas estavam vencidas não condizia com a realidade.

Imediatamente o prefeito Fábio Faria, pelo que apurou nossa reportagem, ordenou uma mobilização entre os secretários para saber se esse descalabro, como apontava a denúncia, teria partido de algum servidor municipal. Ainda no mesmo dia, a postagem foi deletada pelo autor, quando já continha muitos comentários, curtidas e visualizações.

Constatado que não tinha partido da Prefeitura, foi emitida uma nota, que segue abaixo. Já o setor responsável pela fiscalização conseguiu chegar até o autor do descarte, se tratando de um órgão não municipal. O motivo, seria que as cestas básicas molharam e que havia a suspeita de que animais como ratos tiveram contato com o alimento. Vale destacar, entretanto, que nas cestas básicas haviam produtos como azeite, que dificilmente estragam mesmo tendo contato com umidade.

Nota da Prefeitura Municipal sobre as cestas básicas encontradas em uma caçamba em Canarana; Imagem – Reprodução.

Durante o decorrer do dia, moradores ficaram sabendo das cestas e pegaram o que estava em boas condições, visto que nas embalagens dizia que o produto se encontrava dentro do prazo de validade. Por não saber o motivo do descarte, a nota da Prefeitura também orientava as pessoas que recolheram as cestas a não consumirem os alimentos.

LEIA MAIS – Canarana é o primeiro município do Mato Grosso a aderir a Campanha Sífilis Não

Dentro dessa história, há cerca de 20 dias, fotos enviadas por populares à nossa reportagem, mostravam o que parecem ser dezenas de cestas básicas em cima de um passeio, em Canarana, ao relento, num dia de chuva. Ainda não sabemos se se trata do mesmo produto descartado, mas indícios indicam que pode haver correlação entre os fatos.

Foto tirada há 20 dias, mostra o que parecer ser cestas básicas ao relento, em um passeio em Canarana; Imagem – Reprodução.

Nossa reportagem entrou em contato com o responsável pelo órgão de fiscalização do Município. Segundo ele, mesmo se o alimento estivesse impróprio para o consumo, a maneira como foi feito o descarte está incorreto. As informações já estão em posse da Polícia Judiciária Civil, que agora investiga se houve negligência e quais medidas serão tomadas.

Confira reportagem da TVCI:

Por OPioneiro.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.