sábado, 25 setembro, 2021
Início Notícias Destaques Planilha de Ministério da Economia não aponta repasse de R$ 15 bi...

Planilha de Ministério da Economia não aponta repasse de R$ 15 bi a Mato Grosso

CUIABÁ – O Ministério da Economia confirmou, em documento oficial, que o Governo de Mato Grosso não recebeu a quantia de R$ 15 bilhões em repasses do Governo Federal no ano de 2020. A quantia total foi de R$ 5,044 bilhões, sendo que desse valor R$ 261 milhões foram exclusivos para o combate à pandemia. Nesse valor também estão incluídos os repasses obrigatórios e as transferências voluntárias.

Palácio Paiaguás; Foto – Rodolfo Perdigão/Secom-MT.

O valor é 3 vezes menor que o divulgado em Fake News espalhada nas redes sociais.

LEIA MAIS – Lei multa em até R$ 30 mil quem divulgar fake news sobre pandemia

Conforme o documento que foi emitido pela Secretaria do Tesouro Nacional, a pedido do senador Carlos Fávaro, em transferências obrigatórias, ou seja, aquelas em que estão previstas na constituição federal ou na legislação, o Governo de Mato Grosso recebeu a quantia de R$ 4,695 bilhões.

Nesse valor estão incluídos os repasses para Educação, pelo Fundeb do Estado (R$1,694 bi), o auxílio do FEX (R$ 420 milhões) e a quantia de R$ 1,4 bilhão para auxiliar os estados com a perda da arrecadação, em decorrência da pandemia, entre outros repasses.

Em transferências discricionária, o valor recebido foi de R$ 348 milhões, sendo que desse valor R$ 261 milhões foram destinados para as ações em saúde de combate à pandemia.

“O documento confirma que é necessário parar com as fake News, com as mentiras. Perdemos muito tempo para restabelecer verdades. Cadê os outros 10 ou 15 bilhões que mentiram que nós havíamos recebido? Essa tentativa de denegrir um governo, que tanto tem trabalhado para salvar vidas em um momento de pandemia, é de uma irresponsabilidade imensa”, afirmou o secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho.

Por Secom-MT com Redação OP.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.