sexta-feira, 12 abril, 2024
21.5 C
Canarana
Início Notícias Destaques Bar de Canarana investe em Cancha de Bocha 48 automatizada

Bar de Canarana investe em Cancha de Bocha 48 automatizada

CANARANA – A Bocha 48, é um jogo tradicional gaúcho de equipes em que o objetivo é arremessar a bocha em um cepo de madeira, fazendo com que ela acerte as outras bochas e/ou o balim no centro do cepo, acumulando até o total de 48 pontos, fazendo a equipe vencedora. Em Canarana – MT, o jogo já é conhecido, mas um bar da cidade resolveu investir na automatização do jogo e o OPioneiro foi conferir o resultado.

Um bar na cidade de Canarana resolveu investir na automatização da Bocha 48, um jogo tradicional gaúcho de equipes.
Bocha 48; Foto – OP.

O Bar K’necos fica localizado no centro de Canarana, e o proprietário Leandro Gustavo Riboli (29), que é natural de Tenente Portela – RS, afirma que a ideia surgiu durante a última Semana Farroupilha, realizada pelo CTG Pioneiros do Centro Oeste, em que uma cancha de “48” provisória é montada na Avenida Rio Grande do Sul, próximo ao monumento da Cuia. “Pensei, bah, que tal eu montar um “48”. De início, pensei em algo mais simples. Mas questionando ‘quem ficaria sempre arrumando as bochas no cepo’, e pesquisando, encontrei uma empresa de Santa Catarina que automatizou o jogo. Troquei uma ideia com um pessoal da cidade, vi que tinha interesse e resolvi investir”, explica.

O investimento só na máquina foi superior a R$13 mil, sem contar a estrutura da cancha, que precisou ser construída do zero. “Ainda não está bem pronto, ano que vem vou cobrir e colocar carpete”. Na automatização do jogo, acertada as bochas no cepo, na marcação do ponto no placar, a máquina recolhe as bochas caídas e coloca outras posicionadas no cepo, além de devolver aos jogadores as bochas para arremesso. 

LEIA MAIS – Jogos Farroupilhas: conheça as regras da bocha 48

LEIA MAIS – Equipe de Canarana/MT é vice-campeã da Liga Mato-grossense de Futsal Feminino

O ponto do bar K’necos já é antigo na cidade e possui uma cancha de bocha comum há vários anos. Leandro, que até então trabalhava no setor agrícola, assumiu o bar em abril de 2018 e logo depois, já realizou o primeiro campeonato municipal de bocha. “Já fizemos dois campeonatos de bocha, o último masculino e feminino, que foi um sucesso e pretendemos ano que vem fazer um campeonato municipal feminino e masculino de bocha e bocha 48” afirma Riboli.

Não há custo para utilizar a cancha, desde que haja consumo no local. “Eu sempre falo, a pessoa que vem aqui sempre será bem recebida. Hoje eu posso falar que é um lugar de família, pois vem muitos casal pra jogar. Quem vem aqui uma vez, vem de novo”, finaliza Leandro.

Por Lavousier Machry para OPioneiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.