domingo, 14 abril, 2024
21.2 C
Canarana
Início Notícias Destaques Onda de calor sob MT pode causar morte, alerta Inmet

Onda de calor sob MT pode causar morte, alerta Inmet

Até sexta-feira (09/10), uma onda de calor estacionada em Mato Grosso e demais estados da Região Centro-Oeste pode causar prejuízos à saúde, inclusive de morte por hipertemia (aumento elevado da temperatura do corpo para mais de 40º C), segundo alerta do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Ao site RDNews o professor de climatologia da UFMT, Rodrigo Marques, explica que o calorão é causado por um anticiclone, que vem atuando desde maio deste ano. Esse sistema empurra os ventos de cima para baixo, inibindo a formação de nuvem e, consequentemente, de chuva.

sol reprodução
Reprodução.

“Quando o vento desce, ele sofre o que chamamos de compressão – ele se aquece”, explica. Um fator complicador é que esse ar, que já está quente, é reaquecido uma, segundo, terceira e outra vez… “O ar já está sendo aquecido há muito tempo. Ele vai acumulando”, diz Rodrigo. Por isso, a sensação de calor intenso.

 

Falta de frentes frias

O evento climático é considerado normal para essa época do ano, segundo o professor. O que não é normal é não ter tido frentes frias que cheguem à região Centro-Oeste, já que elas são responsáveis por quebrar esse sistema e diminuir as temperaturas, aliviando o calor. “Esse ano, elas passaram longe daqui”.

Outro modelo de previsão do Inmet mostra que o anticiclone vai parar de atuar para que comece os sistemas que causam a chuva, de acordo com Ricardo. “Até o final da semana que vem, as chuvas já devem começar a vir em uma frequência maior”, explica. Em outubro, a previsão é que as chuvas devem ser dentro do normal.

Por RDNews.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.