quarta-feira, 22 maio, 2024
26.1 C
Canarana
Início Notícias Destaques Ladrão devolve objetos furtados de loja e manda carta pedindo perdão ao...

Ladrão devolve objetos furtados de loja e manda carta pedindo perdão ao dono em MT: ‘muito arrependido’

Um homem suspeito de furtar uma loja em Paranatinga, no sábado (3), enviou uma carta ao dono do estabelecimento, junto com os objetos furtados, pedindo desculpas pelo crime. Na mensagem, ele afirma estar “muito arrependido”.

A Polícia Militar informou que o suspeito não foi preso.

Ao g1, o proprietário, que não quis se identificar, disse que mora há 10 dias na região. O furto ocorreu na madrugada de quinta para sexta-feira (2) e o suspeito devolveu o material de sábado para domingo (4).

“Ele pegou as coisas para trocar por drogas. Aqui tem mais boca de fumo do que tudo. Em todo lugar que a gente vai, tem isso”, contou.

De acordo com o proprietário, ao chegar na loja, ele percebeu que a porta de entrada estava violada e notou a falta de uma maleta contendo uma parafusadeira, duas baterias, um carregador das baterias, uma extensão e quatro jogos de chave de fenda. Em seguida, registrou um boletim de ocorrência na delegacia.

Ele recebeu a carta do suspeito, que, além do pedido de perdão, solicitava a retirada da denúncia, o que não foi feito.

“Peço mil perdão pelo que fiz. Estou te devolvendo suas coisas, pois não me pertencem. Estou muito arrependido, pois eu estava sobre efeito de drogas e álcool. Sei que não é desculpa, mas eu em sã consciência não faria isto. Aqui estão todas as suas coisas, eu só te peço uma coisa. Se for possível, se o senhor pode retirar a queixa contra mim com o Padilha na delegacia, pois estou muito envergonhado. Me perdoa” , diz trecho da carta.

A Polícia Civil investiga o caso.

Por Kessillen Lopes, Rogério Júnior e Ruan Gabriel
g1 MT e TV Centro América.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.