segunda-feira, 8 agosto, 2022
InícioNotíciasDestaquesNa contramão, municípios do Araguaia criam vagas de emprego em 2020

Na contramão, municípios do Araguaia criam vagas de emprego em 2020

CANARANA – Enquanto no Mato Grosso e em todo Brasil ocorrem fechamentos de postos de trabalho por conta da pandemia do novo coronavírus, os principais municípios do Vale do Araguaia estão com saldo positivo no acumulado dos cinco primeiros meses de 2020, na relação admissões/desligamentos de trabalhadores com carteira assinada, conforme o novo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia.

Canarana teve 824 admissões e 798 desligamentos, saldo de 26 novas vagas de emprego criadas no período. Água Boa teve 1.122 contratações e 1.053 demissões, saldo de 69 até maio. Querência teve 1.370 admissões e 1.204 desligamentos, saldo de 166 no acumulado. Nova Xavantina registrou 873 contratações e 705 demissões, saldo de 168. Confresa teve 818 admissões e 790 desligamentos, saldo de 28. A maior cidade da região, Barra do Garças, foi a única com saldo negativo, registrando 1.988 contratações e 2.209 demissões, perda de 221 postos de trabalho no período.

LEIA MAIS – Em meio a onda de demissões, Canarana, Água Boa e Querência mantém saldo positivo na criação de empregos

Enquanto no Mato Grosso no Brasil vagas de emprego são fechadas, os principais municípios do Araguaia registram saldo positivo no acumulado de 2020
Foto – Arquivo OP

Mato Grosso

Maio foi o terceiro mês seguido de mais demissões do que contratações em Mato Grosso, com a eliminação de 892 postos com carteira assinada. Entre as admissões registradas de janeiro a maio e as demissões desses últimos cinco meses, Mato Grosso encerra esse período com saldo negativo de 5.243 vagas a menos. 

LEIA MAIS – Mato Grosso perde postos de trabalho pelo terceiro mês seguido

Brasil

Assim como em Mato Grosso, o saldo nacional do emprego formal registrou, em maio, o terceiro mês seguido de desempenho negativo, quando 331.901 postos de trabalho com carteira assinada foram fechados no último mês. Todas as regiões brasileiras extinguiram empregos com carteira assinada em maio. No acumulado de 2020, já foram fechados 1.144.118 de postos de trabalho com carteira assinado no Brasil todo.

Por O Pioneiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.