segunda-feira, 4 dezembro, 2023
Início Notícias Destaques Seis municípios de Mato Grosso recebem Festival Paralímpico no sábado (20)

Seis municípios de Mato Grosso recebem Festival Paralímpico no sábado (20)

    Seis municípios mato-grossenses, incluindo uma aldeia indígena, serão polos do Festival Paralímpico, que ocorre em todo o país, na manhã de sábado (20.05), para oferecer vivências em modalidades paralímpicas e propiciar inclusão social por meio do esporte a crianças deficientes. O evento é uma iniciativa do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e, em Mato Grosso, é coordenado pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

    Direcionado a crianças e jovens de 08 a 17 anos, praticantes ou não de esportes, o Festival será realizado em Cuiabá, Várzea Grande, Barra do Garças, Brasnorte, Cáceres e Canarana. Cada núcleo desenvolverá quatro modalidades paralímpicas, incluindo atletismo, basquete em cadeiras de rodas, badminton, bocha e vôlei sentado.

    Vivências de inclusão durante Jogos Escolares Mato-grossenses – Foto por: Cida Rodrigues

    Para o superintendente de Esporte e Lazer da Secel, Otávio Rodrigo P. Favaro, o evento de amplitude nacional possibilita que Mato Grosso participe desse grande movimento de inclusão e de incentivo ao esporte.

    “Fomentar e ampliar o acesso a atividades esportivas para pessoas com deficiência são vertentes da missão da Secel. Para isso, temos inclusive uma Coordenadoria de Inclusão para dar suporte a essas ações em todo o Estado”, explica o superintendente.

    Em sua 5ª edição, o Festival Paralímpico 2023 será realizado em dois momentos. O primeiro, em 20 de maio, e o segundo, no dia 23 de setembro, em referência ao Dia Nacional do Atleta Paralímpico, comemorado em 22 de setembro.

    Locais e inscrições

    A Escola Arena Educação, que fica na Arena Pantanal, recebe as atividades do Festival Paralímpico em Cuiabá. O acesso ao local será pelo setor Leste, localizado em frente à rua Ranulfo Paes de Barros.

    Em Várzea Grande, as vivências acontecem no ginásio poliesportivo Fiotão, local em que também acontecem as atividades do programa de iniciação esportiva do Centro de Referência Paralímpico.

    Em Barra do Garças, o evento será na Escola Interativa Coophema; E em Brasnorte, no ginásio municipal Marcelo Félix Pietsch.

    O ginásio poliesportivo da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), sedia as atividades no município de Cáceres. O espaço esportivo abriga também o primeiro Centro de Referência Paralímpico do Estado.

    Já em Canarana, o Festival Paralímpico será realizado pela primeira vez em uma aldeia indígena.  Com o apoio da Prefeitura Municipal, a iniciativa será levada à aldeia Tanguro, da etnia Xavante, que fica a 73 km da cidade.

    Em todos os seis municípios, as atividades ocorrem pela manhã, a partir das 7h30. A experimentação paradesportiva é aberta também a pessoas que não apresentem deficiência, de forma a atender a proposta de inclusão social e integração.

    Para participar do Festival em qualquer um dos municípios, os interessados podem se inscrever até a próxima segunda-feira (15.05), pelo formulário online AQUI

    “De forma lúdica, as atividades têm o objetivo de aproximar a criança com deficiência do esporte paralímpico. Serão momentos de muita integração”, finaliza o secretário adjunto de Esporte e Lazer da Secel, David Moura.

    Serviço | Festival Paralímpico 2023

    Data: sábado (20.05)
    Inscrições pelo formulário: www.secel.mt.gov.br/eventos-esportivos

    Por Cida Rodrigues | Secel-MT

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.