domingo, 27 novembro, 2022
Início Futilidade do Dia Tocantins é o estado mais novo do Brasil - Futilidade do dia

Tocantins é o estado mais novo do Brasil – Futilidade do dia

    Fonte: Google Sites

    O estado do Tocantins surgiu há cerca de 32 anos pelo desmembramento do estado de Goiás com a promulgação da Constituição Federal de 1988, se tornando o estado mais novo do Brasil.

    A busca pela emancipação do Tocantins iniciou muito antes de sua efetivação e o ciclo do ouro, ainda no Período Colonial, foi um dos primeiros estímulos ao povoamento da região. Sendo criado oficialmente em 05 de outubro de 1988, através do artigo 13 do Ato das Disposições Transitórias da Constituição Federal, por meio do desmembramento do Estado de Goiás. Na época de sua emancipação, em 1989, a cidade de Miracema do Tocantins foi escolhida como capital provisória. A transferência sede do governo estadual para Palmas ocorreu em 01 de janeiro de 1990.

     

    Breve histórico do processo de desmembramento

    Ainda no Brasil Império (1822-1889), houve duas tentativas. A primeira, em 1863, foi defendida pelo Visconde de Taunay (deputado pela Província de Goiás), que propôs a separação do norte goiano para a criação da Província da Boa Vista do Tocantins. A segunda, em 1889, com o projeto de Fausto de Souza para a redivisão do Império em 40 províncias, constando a do Tocantins na região que compreendia o norte goiano.

    Anos mais tarde, com a Constituição de 1937, foram criados os estados do Amapá, Rio Branco e Guaporé (atual Rondônia), houve também quem defendesse a criação do território do Tocantins, mas isso só viria a acontecer 51 anos depois.

    Na década de 1950, houve a construção da Rodovia Belém-Brasília (BR-153), que aos poucos foi articulando o norte-goiano (Tocantins) a dinâmica produtiva nacional, promovendo a valorização, o incentivo à agricultura e a especulação fundiária. Em 1973 a Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste (SUDECO) criou o Plano Desenvolvimento Econômico e Social do Centro-Oeste (Pladesco) com o objetivo de melhorar a participação regional do PIB (Produto Interno Bruto) e dos indicadores sociais em relação ao nacional. No norte de Goiás (atual Tocantins), Araguaína e Gurupi deveriam incorporar novas áreas de produção. Um ano depois foi lançado o segundo plano, para promover o crescimento econômico contínuo e acelerado.

    Desde o final do século XVIII havia uma desavença entre o norte e sul do estado de Goiás. Entre os fatores que levaram à criação do estado do Tocantins, podem ser mencionado a descentralização de recursos, maior autonomia para os investimentos, controle territorial, melhoria da infraestrutura e desenvolvimento regional. 

    Fonte: Artigo de Nilton Marques de Oliveira, intitulado “TRANSIÇÃO DO NORTE DE GOÍAS AO TERRITÓRIO DO ESTADO DO TOCANTINS”.

    Por Vitória Kehl Araujo, OPioneiro.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.